Pensamento...

"Eu sou o Colombo da minha alma e diariamente descubro nela novas regiões." | Gibran Khalil Gibran.

quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

O HOMEM QUE ESTAVA ACORDADO


“Conta-se a história de um homem santo que irradiava uma extraordinária aura de alegria e paz interior. Um brilho sobrenatural, quase celestial, emanava do seu corpo e atraía grandes multidões que o acompanhavam por toda parte. 'Abençoado', gritavam para ele, 'o senhor é um Deus?' 'Não', respondia ele. 'É um anjo?' 'Não'. 'É um profeta?' 'Não, só estou acordado'.”

Fonte:
HALBERSTAM, Yitta; LEVENTHAL, Judith. Pequenos Milagres: coincidências extraordinárias do dia-a-dia. Rio de Janeiro: Sextante, 1998. 192p. (p.13-14).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisar